Eventos e Notícias

O Programa Operacional do ALGARVE – CRESC ALGARVE 2020 já mobilizou 1,65 Milhões de Euros (M€) de fundos europeus em apoio de candidaturas apresentadas pela Entidade Regional de Turismo do Algarve (RTA).

Estes apoios visam promover a internacionalização de pequenas e médias empresas (PME’s), a valorização do património cultural e natural, a capacitação institucional integrada em parcerias setoriais e territoriais, a formação de trabalhadores e a promoção das tecnologias de informação e comunicação (TIC’s) na administração e serviços públicos. 

Até 30 de abril, a taxa de execução do Programa Operacional do Algarve atingiu os 46 por cento , tendo cumulativamente sido aprovados 1464 projetos no PO Algarve, com um investimento elegível de 543 Milhões de Euros, a que corresponde um financiamento comunitário de 307 M€.

Descubra esta e outras novidades no boletim de INFORMAÇÃO MENSAL da CCDR Algarve que apresenta os dados relativos à execução do Programa Operacional do Algarve e destaca projetos aprovados na região, o qual partilhamos aqui.

A mobilização do domínio da Saúde, bem-estar e ciências da vida para a qualificação da região, vulgarmente reconhecida pela sua especialização produtiva no setor turístico, justificou a escolha do tema da Saúde no assinalar do Dia da Europa neste ano de 2021, o qual foi debatido numa sessão online de Diálogos com Cidadãos - “O que a Europa faz pela saúde dos Europeus”.

A celebração do 9 de MAIO – DIA DA EUROPA no Algarve, vai ser assinalada no dia 7 de maio sob a forma de um Diálogo com Cidadãos temático intitulado “O que a Europa faz pela saúde dos europeus”, numa iniciativa conjunta da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) da Região do Algarve, da Universidade do Algarve (UAlg) e do Centro de Informação Europeia Europe Direct Algarve.

A Comissão Diretiva do Programa Operacional do Algarve - CRESC ALGARVE 2020, aprovou os programas de formação de professores apresentados pelos Centros de Formação de Agrupamentos de Escolas do Algarve, visando a capacitação de docentes, formadores do Sistema Nacional de Qualificações e técnicos de tecnologias de informação em cada escola, para garantir a aquisição das competências necessárias ao ensino no novo contexto digital.

Páginas