Portugal 2020

Subscreva feed Portugal 2020
Actualizado: há 1 hora 3 minutos atrás

Candidate-se aos Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2021

Seg, 15/03/2021 - 00:00

Estão abertas até 10 de maio as candidaturas à 15.ª edição dos European Enterprise Promotion Awards/Prémios Europeus de Promoção Empresarial, iniciativa coordenada em Portugal pelo IAPMEI.

 

Os European Enterprise Promotion Awards (EEPA) da Comissão Europeia distinguem projetos identificados como boas práticas de promoção empresarial em várias áreas, em função da especificidade do seu contributo para o desenvolvimento económico e o emprego das regiões.

 

Consulte toda a informação:
 

COMO CONCORRER
 

CATEGORIAS A CONCURSO
 

PROCESSO DE SELEÇÃO

  

Portugal tem um historial vencedor na final europeia dos European Enterprise Promotion Awards. Ao longo das 14 edições, as várias iniciativas premiadas pela Comissão Europeia viram os seus projetos ganhar visibilidade e prestígio, não só a nível nacional, como também em toda a Europa.

 

Saiba mais aqui sobre as edições anteriores.

 

 

Fonte: IAPMEI/CE

IACOBUS já aprovou mais de 1000 projetos de investigação transfronteiriça

Sex, 12/03/2021 - 00:00

O Programa IACOBUS já aprovou um total de 131 Projetos de Investigação, ultrapassando a meta dos mil projetos apoiados desde o seu início, em 2014.

 

O IACOBUS, que decorre até ao dia 30 de setembro, tem como objetivo o desenvolvimento conjunto de atividades formativas, de investigação e de divulgação, através de um sistema de intercâmbio transfronteiriço de professores, investigadores, pessoal administrativo e de serviços, gestores de inovação e técnicos de investigação e desenvolvimento tecnológico.

 

A Comissão de Avaliação do IACOBUS selecionou, ainda, 54 artigos de investigação apresentados à terceira convocatória do IACOBUS Papers, o que perfaz, na totalidade, um apoio de 250 mil Euros, cofinanciados pelo Programa INTERREG VA Espanha-Portugal (POCTEP) 2014-2020.

 

O IACOBUS Papers apoia, com 1000 Euros, a publicação de artigos de investigação em revistas de reconhecido prestígio.

 

A nova edição do Programa arranca já na próxima semana, dia 15 de março, e conta, pela primeira vez, com a participação de fundações biomédicas da Eurorregião Galiza - Norte de Portugal.

 

 

 

 

Fonte: CCDR-N/POCTEP

Webinar ‘Fundos Europeus’ dia 17 de março

Sex, 12/03/2021 - 00:00

No próximo dia 17 de março às 15h00, realiza-se o webinar sobre 'Fundos Europeus' com as participações do Ministro do Planeamento, Nelson de Souza, na Abertura, e do Vice-Presidente da AD&C - Agência para o Desenvolvimento e Coesão, Duarte Rodrigues, no Painel de Debate.

 

Organizado pela PwC e pelo Jornal Económico, este webinar vai abordar os seguintes temas de discussão:

 

  • Quando chega a “bazuca” europeia? E será suficiente?
     
  • A forma como os fundos são distribuídos e canalizados para a economia real é eficiente? O que se poderia melhorar?
     
  • Portugal terá projetos de qualidade em número suficiente para poder aproveitar todo o potencial destes apoios, tendo em conta a experiência dos últimos anos?

 

PROGRAMA

 

15h00 | NOTA DE BOAS VINDAS

 

António Correia, Presidente, PwC

Filipe Alves, Diretor, Jornal Económico

 

15h10 | ABERTURA
 

Nelson de Souza, Ministro do Planeamento

 

15h30 | INCENTIVOS FINANCEIROS BEYOND 2020

Pedro Deus - Global Incentives Solutions Partner da PwC

 

16h00 | DEBATE
 

Nuno Mangas – Presidente, Compete 2020

António Saraiva – Presidente, CIP

Ana Isabel Coelho – Vogal, IEFP - Instituto do Emprego e da Formação Profissional

Duarte de Jesus Rodrigues – Vice-Presidente, Agência para o Desenvolvimento e Coesão, IP (AD&C)

 

Moderação: Filipe Alves, Diretor do Jornal Económico.

 

17h00 ENCERRAMENTO

 

Acompanhe em direto na plataforma multimédia JE TV em www.jornaleconomico.pt

 

 

Fonte: AD&C/Jornal Económico/PwC

 

Aluna portuguesa vence prémio europeu ‘Juvenes Translatores’

Sex, 12/03/2021 - 00:00

Leonor Silva, aluna da Escola Secundária Camilo Castelo Branco em Vila Nova de Famalicão, faz parte dos 27 vencedores da edição 2020 do 'Juvenes Translatores', concurso de tradução destinado a alunos do ensino secundário.

 

Os concorrentes podiam escolher entre duas línguas oficiais da União Europeia para fazer uma tradução e das 552 combinações linguísticas possíveis, os jovens tradutores utilizaram o número impressionante de 150.

 

O tema escolhido para o concurso «Enfrentar tempos difíceis – juntos somos mais fortes» refletiu sem dúvida a situação vivida na Europa.

 

Atendendo ao grande número reações positivas recebidas, o concurso proporcionou uma quebra da rotina muito proveitosa no quotidiano dos alunos.

 

Como afirmou um participante de uma escola na Roménia: «Nesta paisagem sombria, o Juvenes Translatores foi um raio de sol inesperado na escuridão...».

 

Outro participante de uma escola italiana escreveu: «Graças a projetos como o Juvenes Translatores, os jovens podem encontrar estímulos de aprendizagem relacionados com a realidade e com as suas expectativas de integração e pertença.»

 

Os tradutores da Comissão Europeia selecionaram 27 vencedores (um por país da UE) de entre quase os 2 800 participantes em toda a Europa.

 

Além disso, 248 estudantes receberam Menções Honrosas, que distinguem traduções excecionais. Em Portugal foram 12 os alunos que receberam esta distinção.

 

A Leonor e os outros vencedores vão ser convidados para uma cerimónia virtual de entrega de prémios, no dia 2 de julho de 2021.

 

Os vencedores e respetivos professores vão também encontrar-se com um tradutor profissional da Comissão Europeia para ficarem a saber mais sobre tradução e línguas.

 

Desde 2007, a Direção-Geral da Tradução da Comissão Europeia organiza anualmente o concurso 'Juvenes Translatores' (expressão latina para «jovens tradutores»).

 

Ao longo dos anos, o concurso tornou-se numa experiência que pode até mudar a vida de muitos dos participantes e vencedores. Muitos decidiram estudar tradução na universidade e alguns integraram o serviço de tradução da Comissão Europeia como estagiários ou tradutores.

 

 

Fonte: Rep.CEPortugal

Tem dúvidas sobre o Programa APOIAR?

Sex, 12/03/2021 - 00:00

Siga os passos e venha ao nosso encontro!

 

1. Aceda ao Suporte do Portugal 2020 no link “CONTACTE-NOS”

 

2. No Formulário, escolha a categoria “Avisos”

 

3. Escreva a sua mensagem

 

4. Clique em enviar

 

5. Selecione o Aviso do Concurso referente à medida APOIAR

 

Uma equipa técnica estará ao seu inteiro dispor para responder, com brevidade, a todas as suas dúvidas.

 

 

Fonte: AD&C

Reabilitação Urbana atinge 800 milhões de euros de investimento

Sex, 12/03/2021 - 00:00

O IFFRU 2020 - Instrumento Finaceiro de Reabilitação e Revitalização Urbanas conta já com 285 contratos, num valor de investimento de mais de 800 milhões de euros para a reabilitação integral de edifícios e melhoria do seu desempenho energético.

 

Apesar dos efeitos económicos causados pela situação excecional da pandemia COVID-19, o IFFRU 2020 continua a prosseguir o objetivo de revitalizar os centros urbanos, contando-se 125 contratos para habitação e 144 para atividades económicas.

 

Os restantes contratos destinam-se a equipamentos de utilização coletiva ou de apoio social e cultural, incluindo equipamentos públicos para residência de estudantes.

 

Destes contratos, 48 têm já os seus projetos concluídos. Na sua maioria (216) os projetos são promovidos por empresas, contando-se igualmente projetos de particulares, IPSS e Câmaras Municipais.

 

As operações localizam-se nas Áreas de Reabilitação Urbana, definidas pelos respetivos Municípios, garantindo-se, assim, o seu alinhamento com a política urbana local, sendo já 81 os Municípios  das várias regiões do país com financiamentos IFRRU 2020.

 

Criado no âmbito do Portugal 2020, o IFRRU 2020 é o maior Programa de incentivo à Reabilitação Urbana lançado em Portugal, com uma capacidade de financiamento de 1.400 milhões de euros, proporcionando as melhores condições para todos os que pretendam investir na reabilitação do edificado urbano.

 

Em 2021, para a maior parte de dotação pública foi fixada uma taxa fixa de 0%, o que constitui uma oportunidade única para candidaturas ao IFRRU 2020, um instrumento que mantém a sua execução até 2023, sem restrições ao tipo de beneficiários e sem restrições ao uso a conferir ao edificado reabilitado.

 

 

Fonte: IFRRU

Arranca construção do Observatório do Mar em Sines

Sex, 12/03/2021 - 00:00

Já arrancou a primeira fase da operação Observatório do Mar que será um moderno centro de exposições a instalar nos antigos Armazéns da Ribeira, em Sines.

 

A operação tem um custo total elegível de 2.659.914,14 euros, cofinanciado à taxa de 85% pelo FEDER - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, através do Programa Operacional ALENTEJO 2020.

 

Esta operação tem por base a recuperação dos Armazéns da Ribeira, um dos conjuntos edificados mais marcantes da paisagem urbana da cidade.

 

Estes edifícios, que no passado deram apoio à pesca artesanal, serão adaptados a um moderno centro de exposições, o Observatório do Mar, onde o município pretende oferecer aos visitantes uma viagem pelo imaginário oceânico local, desde as aventuras de Vasco da Gama até à pesca tradicional.

 

A recuperação vem devolver à comunidade um relevante património histórico-cultural, intimamente ligado à identidade siniense e ao seu universo atlântico, integrando-se numa estratégia de reafirmação da vocação turística da cidade.

 

 

 

Fonte: CMSines

“É essencial cumprir a missão da AD&C de forma equilibrada”

Qui, 11/03/2021 - 00:00

Realizou-se esta manhã o webinar ‘Resiliência - Progresso social e territorial’ com a participação de Nuno Santos, Presidente da AD&C, no âmbito da iniciativa ReStart the Future, ciclo de webinars dedicado aos domínios estratégicos Resiliência, Transição Digital e Transição Climática.

 

Nesta sessão dedicada à dimensão Resiliência, foram debatidas as grandes oportunidades na área das vulnerabilidades sociais, nomeadamente ao nível do SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE, das RESPOSTAS SOCIAIS e da HABITAÇÃO, de forma a diminuir as desigualdades sociais e promover um país mais desenvolvido.

 

Nuno Oliveira dos Santos, Presidente da AD&C - Agência para o Desenvolvimento e Coesão, afirmou que a AD&C assegura a coordenação geral dos fundos da União Europeia em Portugal e a política de desenvolvimento regional e que perante este quadro de responsabilidades que decorre da lei, vai contribuir para a implementação bem-sucedida do PRR, reforçando uma dinâmica de proximidade do país assente numa relação cada vez mais forte entre o Estado e os Cidadãos.

 

Para além do PRR, Nuno Santos destacou a Estratégia Portugal 2030, no contexto do próximo Quadro Financeiro Plurianual, que procuram traduzir o país mais coeso que gostaríamos de ser “do lado das pessoas, das tecnologias, do clima e do território”.

Os constrangimentos ao nível da coesão territorial decorrem dos constrangimentos estruturais da sociedade portuguesa, é por isso, muito importante esbater as desigualdades, ultrapassando as dificuldades estruturais na distância da relação do Estado com o cidadão, das qualificações e das infraestruturas básicas, com foco na boa execução no território. “Sejamos capazes de acordar no essencial” e construir um grande portefólio de projetos.

 

É essencial cumprir a missão da AD&C de forma equilibrada, fazendo destacar que faz parte de uma sociedade que está a viver um momento histórico, com a disponibilidade de grandes recursos. “Temos de fazer a nossa parte e convocar todos a fazer a sua”.

 

Conheça todas as intervenções neste webinar AQUI.

 

 

Fonte: AD&C

Mar 2020 simplifica regras para alterações a projetos

Qui, 11/03/2021 - 00:00

O Programa Operacional Mar 2020 simplificou as regras para alterações a projetos, uma vez que entre os investimentos previstos nas candidaturas, projetados com base em estimativas, e os investimentos efetivamente realizados é normal existirem ajustamentos.

 

Estes ajustamentos ocorrem com mais frequência em investimentos produtivos, sobretudo os de maior dimensão.

 

Assim, são consideradas Alterações ao Projeto Aprovado:

 

  • Compensações dentro da mesma rubrica de investimento ou entre rubricas de investimento, sem acréscimo do valor aprovado para cada rubrica

 

  • Investimentos em que houve um aumento de preços, que foram compensados com investimentos realizados a preços menores que o estimado

 

  • Despesas não previstas inicialmente na candidatura, mas efetivamente realizadas em substituição de despesas previstas na candidatura, e que configuram uma mais valia para o alcance dos objetivos do projeto

 

Estas Alterações ao Projeto Aprovado  podem ser comunicadas no pedido de pagamento e avaliadas pelo técnico analista, mas não carecem de prévia aprovação, nem de um pedido formal de alteração ao projeto, antes da submissão do pedido de pagamento.

 

Já os Pedidos de Alteração aos Projetos que envolvam aumento do valor das rubricas de investimento, ou alterações de datas de concretização dos investimentos, são agora totalmente desmaterializados, sendo assim mais ágeis já que são submetidos, analisados e decididos no SIMAR, sistema de informação acessível através do Balcão 2020.

 

 

Fonte: Mar2020

CE apresenta visão para a Década Digital da Europa

Qui, 11/03/2021 - 00:00

A Comissão Europeia (CE) apresentou, a 9 de março de 2021, uma visão e percursos para a Transformação Digital da Europa até 2030, proposta fundamental para concretizar a transição para uma Economia Circular, resiliente e com impacto neutro no clima.

 

A Comunicação propõe um acordo sobre um conjunto de princípios digitais, o lançamento rápido de importantes projetos plurinacionais e a elaboração de uma proposta legislativa que estabeleça um quadro de governação sólido para monitorizar os progressos - as Orientações para a Digitalização.

 

A CE propõe Orientações para a Digitalização que traduzam as ambições digitais da União Europeia para 2030 em termos concretos.

 

Esta visão para a década digital da UE desenvolve-se em torno de 4 Pontos Fundamentais:

 

1. CIDADÃOS DOTADOS DE COMPETÊNCIAS DIGITAIS E PROFISSIONAIS DO SETOR DIGITAL ALTAMENTE QUALIFICADOS

Até 2030, pelo menos 80% de todos os adultos deverão possuir competências digitais básicas e deverá haver 20 milhões de especialistas em TIC a trabalhar na UE, devendo as mulheres assumir uma maior proporção desses empregos.

 

2. INFRAESTRUTURAS DIGITAIS SEGURAS, EFICAZES E SUSTENTÁVEIS

Até 2030, todos os agregados familiares da UE deverão dispor de conectividade a gigabits e todas as zonas povoadas deverão estar abrangidas pela rede 5G; a Europa deverá produzir 20% dos semicondutores de ponta e sustentáveis fabricados a nível mundial; deverão estar implantados na UE 10 000 nós periféricos altamente seguros e climaticamente neutros; a Europa deverá dispor do seu primeiro computador quântico.

 

3. TRANSFORMAÇÃO DIGITAL DAS EMPRESAS

Até 2030, três em cada quatro empresas europeias deverão usar serviços de computação em nuvem, de megadados e de inteligência artificial; mais de 90% das PME deverão atingir, pelo menos, o nível básico de intensidade digital; o número de empresas-unicórnio da UE deverá duplicar.

 

4. DIGITALIZAÇÃO DOS SERVIÇOS PÚBLICOS

 

Até 2030, todos os serviços públicos essenciais deverão estar disponíveis em linha; todos os cidadãos terão acesso aos seus registos médicos eletrónicos; 80% dos cidadãos deverão utilizar uma solução de identificação eletrónica.

 

As orientações estabelecem uma sólida estrutura de governação conjunta com os Estados-Membros, assente num sistema de monitorização que prevê a apresentação anual de relatórios baseados num código de cores.

 

As metas serão consagradas num programa político a acordar com o Parlamento Europeu e o Conselho.

 

Saiba mais aqui.

 

 

 

Fonte: CE

Mais Investigação no Algarve com apoio de fundos da União Europeia

Qui, 11/03/2021 - 00:00

O Programa Operacional CRESC Algarve 2020 deu luz verde ao financiamento europeu de mais seis projetos de Investigação Científica e Desenvolvimento Tecnológico, submetidos por diversos centros da Universidade do Algarve.

 

Os projetos agora aprovados centram-se no desenvolvimento de Atividades de Investigação que respondem aos desafios lançados nos grupos de trabalho criados no âmbito do CIRA - Conselho de Inovação Regional do Algarve, em linha com os domínios da Estratégia Regional de Investigação e Inovação para a Especialização Inteligente (RIS3 Algarve).

 

Os projetos correspondem a um investimento elegível total de 3,38 Milhões de Euros e a 2,54 Milhões de Euros de incentivos, provenientes do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

 

No domínio da PROMOÇÃO DO CONHECIMENTO EM SAÚDE, ENVELHECIMENTO ATIVO E ESTILOS DE VIDA SAUDÁVEIS, realça-se o projeto A3-COR que visa a realização de um ensaio clínico para a prevenção do enfarte agudo do miocárdio e da osteoartrose, mais comuns na população com mais de 60 anos.

 

Prevê-se com este projeto uma redução significativa da dependência de tratamentos farmacológicos, de reinternamentos hospitalares e da mortalidade total.

 

Também o projeto ALFA Score pretende criar um índice de envelhecimento que avalie o estado de saúde e propensão para riscos de desenvolvimento de doenças crónicas, antecipando, preventivamente, atuações conducentes a um estilo de vida ativo e saudável, favorecendo, ambos os projetos, a qualidade de vida da população sénior.

 

Ambos foram apresentados pelo ABC - Algarve Biomedical Center, uma parceria entre o CHUA e a Universidade do Algarve (UALG), e envolvem um investimento total de 1,8 Milhões de Euros, recebendo 1,27 Milhões de Euros de incentivos.

 

Ainda neste domínio, o projeto NutriSafe incide no desenvolvimento de um novo suplemento alimentar, a partir da uma alga invasora, com benefícios comprovados para as comorbidades comuns associadas ao envelhecimento e às doenças inflamatórias crónicas, ora mais vulneráveis à COVID-19.

 

Este suplemento apresenta caraterísticas anti-inflamatórias e de proteção vascular e pulmonar. A candidatura prevê um investimento total de 293 Mil Euros e beneficiará de 218 Mil Euros de incentivos.

 

Relativamente à PROMOÇÃO DO CONHECIMENTO DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA, destaca-se o projeto HEM2IEA que pretende reforçar processos de descarbonização e a continua difusão de fontes de energia limpa, bem como pela geração, predição de consumos, monitorização e gestão inteligente de redes em comunidades locais de energia. Este projeto representa um investimento total de 239 Mil Euros e beneficia de 172 Mil Euros de incentivos.

 

Finalmente, com vista à PROMOÇÃO DO CONHECIMENTO E INOVAÇÃO EM TURISMO, relevam-se os objetivos do projeto MONITUR que visa construir um modelo de avaliação e monitorização do desenvolvimento turístico regional, das suas dinâmicas, em linha com práticas mais sustentáveis e competitivas. Este projeto representa um investimento total de 573 Mil Euros e beneficia de 421 Mil Euros de incentivos.

 

De igual forma, o projeto HoST Lab que pretende reforçar a estruturação de uma oferta qualificadora diferenciada de produtos e serviços, assentes em experiências enogastronómicas, baseadas nos ativos patrimoniais, promotores da identidade e da sustentabilidade do setor na região. Este projeto representa um investimento total de 635 Mil Euros e beneficia de 449 Mil Euros de incentivos.

 

Consulte AQUI estes e outros projetos aprovados, no âmbito do Programa Operacional do Algarve, com o apoio dos fundos da União Europeia.

 

 

 

 

Fonte: Algarve 2020

 

 

NORTE 2020 apoia estudo alargado a alterações e variantes do coronavírus

Qui, 11/03/2021 - 00:00

O i3S - Instituto de Investigação e Inovação em Saúde está a avaliar as coinfeções com o SARS-CoV-2 (coronavírus) e perceber as possíveis alterações de infecciosidade das variantes ao longo do último ano, num Estudo que conta com o apoio financeiro do Programa Operacional NORTE 2020.

 

O i3S recebeu um financiamento de 300 mil Euros da CCDR-N - Autoridade de Gestão do NORTE 2020, e tem como base de análise o seu biobanco de 35 mil amostras nasofaríngeas, recolhidas desde março de 2020, e mantidas a temperaturas entre os 80 e 20 graus célsius negativos.

 

Estas recolhas poderão escortinar variações sazonais do SARS-CoV-2, assim como bactérias, fungos e outros agentes patogénicos que possam ter sofrido ou influenciado algum tipo de variação durante o período de pandemia.

 

Numa segunda fase, o i3S apostará ainda na investigação de um novo método de deteção do vírus. O procedimento envolverá a recolha de amostras de saliva e terá como meta uma apresentação mais rápida de resultados, sem comprometer a sensibilidade e a fiabilidade dos testes.

 

 

 

Fonte: NORTE2020

Saiba como ‘Projetar novos modelos de negócios de Clusters’

Qua, 10/03/2021 - 00:00

No próximo dia 17 de março, a partir das 10h30, realiza-se o 5º Webinar de Capacitação de Clusters para discutir como os clusters (nichos de mercado) podem melhorar seus modelos de negócios para lidar com os desafios da crise COVID-19.

 

Promovido pela Plataforma Europeia de Colaboração de Clusters, este webinar ‘Projetar Novos Modelos de Negócios de Cluster’ vai concentrar-se na aprendizagem ponto a ponto sobre como os clusters podem redesenhar e atualizar seus modelos de negócios.

 

O evento conta com especialistas que discutirão por que é importante refletir sobre modelos de negócios e explicar como desenvolver um modelo de negócios eficaz, com percepções práticas de Estudos de Caso.

 

Além de apresentações de especialistas, a sessão online oferecerá oportunidades de interação entre os participantes com sessões de discussão e perguntas e respostas com os palestrantes.

 

Após as apresentações, os participantes serão alocados para sessões paralelas em grupos menores, para troca informal de experiências.

 

Interessado? INSCREVA-SE AGORA e fique ligado!

 

Fonte: ECCP-CE

Webinar ReStart the Future debateu ‘Transição Climática’

Qua, 10/03/2021 - 00:00

Realizou-se no dia 5 de março o webinar ‘Transição Climática’ no âmbito da iniciativa ReStart the Future, ciclo de webinars dedicado aos domínios estratégicos Resiliência, Transição Digital e Transição Climática, evidenciados no PRR - Plano de Recuperação e Resiliência português.

 

A sessão dedicada à ‘Transição Climática’, debruçou-se sobre as grandes questões relacionadas com a DESCARBONIZAÇÃO DA INDÚSTRIA e com o PAPEL DAS ENERGIAS RENOVÁVEIS nesta transformação, explorando as oportunidades e os instrumentos que os fundos da União Europeia oferecem às organizações, para uma economia e um país mais verde e sustentável.

 

Este terceiro webinar promovido pela Deloitte, em conjunto com o jornal Expresso, contou com a participação de representantes máximos da sociedade civil, das organizações e do governo.

 

Saiba mais aqui.

 

 

Fonte: AD&C

 

 

Webinar sobre ‘Resiliência – Progresso social e territorial’

Qua, 10/03/2021 - 00:00

No próximo dia 11 de março realiza-se o webinar ‘Resiliência - Progresso social e territorial’ no âmbito da iniciativa ReStart the Future, ciclo de webinars dedicado aos domínios estratégicos Resiliência, Transição Digital e Transição Climática.

 

Nesta sessão dedicada à dimensão Resiliência, serão debatidas as grandes oportunidades na área das vulnerabilidades sociais, nomeadamente ao nível do SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE, das RESPOSTAS SOCIAIS e da HABITAÇÃO, de forma a diminuir as desigualdades sociais e promover um país mais desenvolvido.

 

PARTICIPE na sessão, das 9h30 às 11h00, e fique a conhecer as oportunidades de investimento que advêm desta dimensão para a sua organização.

 

A Dimensão Resiliência, com um montante de 8.198 milhões de euros (59% do orçamento do plano), compreende os Roteiros Vulnerabilidades Sociais, Potencial Produtivo e Emprego e Competitividade e Emprego Territorial.

 

KEYNOTE SPEAKER

Mariana Vieira da Silva, Ministra de Estado e da Presidência

 

DE 20 A 30 EM 10 MINUTOS

Sérgio Oliveira, Deloitte ReStart Center for Business

 

PAINEL DE DEBATE

 

 

INSCREVA-SE AQUI!

 

 

Fonte: Delloite

 

Concorra aos Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2021

Qua, 10/03/2021 - 00:00

Estão abertas até 10 de maio as candidaturas à 15.ª edição dos European Enterprise Promotion Awards/Prémios Europeus de Promoção Empresarial, iniciativa coordenada em Portugal pelo IAPMEI.

 

Os European Enterprise Promotion Awards (EEPA) da Comissão Europeia distinguem projetos identificados como boas práticas de promoção empresarial em várias áreas, em função da especificidade do seu contributo para o desenvolvimento económico e o emprego das regiões.

 

Consulte toda a informação:
 

| COMO CONCORRER
 

| CATEGORIAS A CONCURSO
 

| PROCESSO DE SELEÇÃO

  

Portugal tem um historial vencedor na final europeia dos European Enterprise Promotion Awards. Ao longo das 14 edições, as várias iniciativas premiadas pela Comissão Europeia viram os seus projetos ganhar visibilidade e prestígio, não só a nível nacional, como também em toda a Europa.

 

Saiba mais aqui sobre as edições anteriores.

 

 

Fonte: IAPMEI/CE

 

 

Tem dúvidas sobre os apoios dos Fundos da União Europeia?

Ter, 09/03/2021 - 00:00

Se já estiver registado/a no Balcão 2020, coloque as suas questões na Área Reservada, ou seja, depois de fazer login no Balcão 2020.

 

Desta forma, será mais fácil e eficaz responder às suas questões, dado que a ligação ao histórico de operações ou questões já colocadas é automática: BALCÃO 2020.

 

Se não estiver registado/a, coloque as questões através do SUPORTE 2020: tenha presente que este é o canal privilegiado para responder às suas dúvidas.

 

CONTACTE-NOS!

 

 

Fonte: AD&C

 

'Qualificar para crescer!' no evento anual PO CH 2021

Ter, 09/03/2021 - 00:00

É já no próximo dia 19 de março, às 10h00, que se realiza online o Evento anual do PO CH 2021 ‘Qualificar para crescer!’, no qual se irá entregar os Prémios Capital Humano e debater o tema “A qualificação, o emprego dos jovens e dos adultos e o contributo do Fundo Social Europeu”.

 

​O evento é composto por duas partes. Na primeira, será feita a divulgação pública dos vencedores e a entrega dos Prémios Capital Humano, lançados pelo PO CH em março de 2020 e que contaram com 207 candidaturas a concurso.

 

Os prémios a atribuir são 7 e distinguem percursos e projetos formativos de sucesso, na qualificação de jovens e adultos em Portugal, apoiados pelo Fundo Social Europeu, em 5 CATEGORIAS:

 

  • ​FORMAÇÃO DE JOVENS

 

  • ENTIDADES FORMADORES DE JOVENS

 

  • FORMAÇÃO DE ADULTOS INATIVOS OU DESEMPREGADOS

 

  • FORMAÇÃO DE ADULTOS TRABALHADORES ESTUDANTES

 

  • ENTIDADES FORMADORAS DE ADULTOS

 

A cerimónia contará com a participação de Laurent Sens, Chefe de Unidade EMPL C4 responsável para Hungria, Reino Unido, Irlanda e Portugal e do Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues.

 

A mesa redonda, à qual se seguirá um debate aberto ao público, vai decorrer na segunda parte do encontro e, a discutir o tema, estarão o Presidente do PO CH, Joaquim Bernardo, Luís Capucha, especialista em políticas de Educação e Formação e Maria Emília Brederode Santos, Presidente do Conselho Nacional de Educação.

 

Esta mesa-redonda será igualmente transmitida, mais tarde, em diferido na antena da TSF, enquanto media partner do PO CH na divulgação deste evento, no dia 19 de março, pelas 15H00.

 

A partir de 1 março, até 18 de março, de segunda a sexta-feira, pelas 9h20, conheça 14 histórias de sucesso que o Prémio Capital Humano nos deu a conhecer. 

 

São testemunhos de ex-formandos, apoiados pelo Fundo Social Europeu, e de entidades que se notabilizaram pelos seus projetos na área da educação e formação de jovens e adultos.

 

Durante o evento serão ainda divulgados os dados da execução do PO CH - Programa Operacional Capital Humano a 31 de dezembro de 2020.

 

Para assistir e participar no debate será disponibilizado um acesso à plataforma Zoom.  

 

Será também transmitido através do Facebook Live e do Youtube, nas contas do PO CH.

 

Consulte o PROGRAMA do evento e REGISTE-SE para assistir e participar.

 

 

Fonte: PO CH

 

 

Aprovada Modernização da Linha Ferroviária de Cascais

Ter, 09/03/2021 - 00:00

A CIC Portugal 2020 - Comissão Interministerial de Coordenação do Acordo de Parceria, aceitou a decisão adotada pelo PO SEUR - Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, relativa à aprovação da Modernização da Linha Ferroviária de Cascais.

 

A este Grande Projeto corresponde a atribuição de um apoio do Fundo de Coesão no valor de € 50.000.000,00.

 

Foi também deliberado, por consulta escrita, determinar que sejam encetados os procedimentos necessários à submissão deste Grande Projeto à Comissão Europeia.

 

Consulte AQUI:

 

| Deliberação n.º 9/2021 CIC Portugal 2020

 

 

 

Fonte: AD&C/POSEUR

 

Alargado prazo de candidaturas a dois Avisos de concurso

Ter, 09/03/2021 - 00:00

O PO ISE – Programa Operacional Inclusão Social e Emprego, prorrogou os prazos de candidaturas a dois Avisos de Concurso relativos a ‘Projeto de mediadores municipais e interculturais’ e ‘Instrumentos específicos de proteção das vítimas e de acompanhamento de agressores na violência doméstica’.

 

Assim, a Autoridade de Gestão informa que o período para submissão de candidaturas a ‘Projeto de mediadores municipais e interculturais’ abertas através do AVISO N.º POISE-33-2021-02, foi prorrogado até às 23h59 do próximo dia 24 de março.

 

Promovido pelo ACM - Alto Comissariado para as Migrações, são elegíveis as ações que visam a criação de equipas de mediadores interculturais e de intervenção municipal dirigida à integração das comunidades imigrantes e das comunidades ciganas.

 

Quanto ao período para submissão de candidaturas a ‘Instrumentos específicos de proteção das vítimas e de acompanhamento de agressores na violência doméstica’, abertas através do AVISO Nº POISE-37-2021-01, foi prorrogado o prazo até às 23h59 do próximo dia 31 de março.

 

Promovido pela CIG - Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, são elegíveis as ações de atendimento, acompanhamento e apoio especializados, nas dimensões psicológica e psicoterapêutica (designadas Respostas de Apoio Psicológico - RAP) para crianças e jovens vítimas de violência doméstica, quer estejam acolhidas nas casas de abrigo, quer sejam atendidas e acompanhadas pelas estruturas de  atendimento da Rede Nacional de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica (RNAVVD).

 

Consulte os AVISOS publicados no site do PO ISE em Avisos Abertos ou no Balcão 2020 Domínio Temático – INCLUSÃO SOCIAL E EMPREGO.

 

 

Fonte: PO ISE

Páginas