Portugal 2020

Subscreva feed Portugal 2020
Actualizado: há 1 hora 29 minutos atrás

Moderna sala de estudo para residência de estudantes com apoio CENTRO 2020

Qua, 23/10/2019 - 00:00

A Residência de Estudantes de Oleiros conta, desde o início deste ano letivo, com uma nova e moderna sala de apoio ao estudo para os alunos residentes, cofinanciada pelo Programa Operacional CENTRO 2020.

 

A par do plano de intervenção de combate ao insucesso e abandono escolar que se encontra a ser desenvolvido no Agrupamento de Escolas Padre António de Andrade, considerou-se que a Residência de Estudantes constitui também um elemento importante no sucesso dos alunos, e por isso foi contemplada com a renovação de um espaço com os mais modernos materiais e equipamentos, estando preparado para responder aos novos desafios que se colocam aos alunos.
 

O projeto resulta de uma parceria entre o Município de Oleiros, a Residência de Estudantes, e o Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar, liderado pela Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa, cofinanciado pelo CENTRO 2020.
 

A nova sala de estudo da Residência Estudantes incluiu a transformação do espaço existente num espaço de design funcional com modernos equipamentos e ferramentas digitais de apoio ao desenvolvimento das aprendizagens, afirmando-se como um espaço de inovação.

 

Este espaço é constituído por áreas distintas que são orientadoras do tipo de atividades e projetos a desenvolver. A sala possui um espaço para apresentações, com modernos equipamentos de projeção onde permite aos alunos partilhar e comunicar os seus projetos.

 

Além disso, possui uma área para interagir com os professores de apoio e colegas, uma área para investigar com o apoio dos mais modernos livros, dicionários, computadores e tablets com acesso à internet, uma área para colaborar onde permite aos alunos residentes desenvolverem projetos com os colegas, uma área destinada a criar e desenvolver com o objetivo de estes refletirem e criarem os seus projetos e por fim uma área onde os alunos residentes podem relaxar aproveitando para ler um livro do Plano Nacional de Leitura, completarem puzzles ou jogar jogos didáticos.

 

Os alunos residentes contam ainda com o apoio diário de três professores que durante uma hora e meia trabalham no âmbito do reforço das competências comportamentais, técnicas de estudo, promoção, apoio e disseminação na utilização das novas tecnologias.

 

 

Fonte: CM Oleiros/Centro2020

Eurocidade Cerveira-Tomiño organiza jornada ‘Desporto para Todos’

Qua, 23/10/2019 - 00:00

Está agendado para o próximo domingo, 27 de outubro, uma jornada desportiva integrada no programa ‘Desporto para Todos’ dinamizado pela Eurocidade Cerveira-Tomiño, com jogos desportivos e tradicionais, caminhada de pequena rota (passeio) e aula de Pilates.

 

Estas atividades desportivas convidam as populações de ambos os municípios a partilhar práticas saudáveis, integrando a Agenda Estratégica para a Cooperação Transfronteiriça Amizade Cerveira-Tomiño, um projeto cofinanciado em 75% pelo POCTEP - Programa INTERREG VA Espanha-Portugal.

 

O local é o Parque de Lazer do Castelinho, entre as 09h00 e as 12h00 (hora PT).

 

Apesar de ser uma atividade de caráter gratuito, a participação na jornada “Desporto e Amizade” recomenda inscrição prévia através do correio eletrónico geral.manos.sa@gmail.com até dia 24 de outubro.

 

Mais de 400 pessoas têm participado no programa ‘Desporto para Todos’, iniciado em setembro de 2018.

 

O programa oferece um conjunto de atividades desportivas gratuitas que decorre em equipamentos de ambos os concelhos: piscina em família, atividades para maiores de 55 anos e prática de diversas modalidades desportivas nas freguesias de Tomiño e IPSS’s de Cerveira.

 

Este programa também já dinamizou duas caminhadas transfronteiriças com forte adesão.

 

 

Fonte: Jornal C/POCTEP

 

Portugal Fashion arranca hoje, com apoio do COMPETE 2020

Qua, 23/10/2019 - 00:00

O evento de moda Portugal Fashion regressa hoje ao Porto e os 30 desfiles de criadores portugueses e jovens designers internacionais acontecem entre a Alfândega, a Casa de Serralves e a Tipografia do Conto até ao próximo sábado, dia 26 de outubro.
 

O Portugal Fashion é um projeto da responsabilidade da Associação Nacional de Jovens Empresários, desenvolvido em parceria com a Associação Têxtil e Vestuário de Portugal e financiado pelo FEDER - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, através do Programa Operacional COMPETE 2020.

 

A 45ª edição do Portugal Fashion traz algumas novidades, com destaque para a coleção AfterNowda da designer Katty Xiomara, a ser apresentada numa antiga oficina de artes gráficas, transformada no design hotel Tipografia do Conto.

 

 

A criadora apresenta a sua nova coleção às 21h30 de hoje, dia em que também lança o seu livro ‘Reflexo, Guia do Bem Investir’, um manual de boas práticas ao espelho, com dicas para o momento de vestir e investir.

 

Outros dos destaques do certame deste ano são a dupla Marques'Almeida, que vai desfilar na Casa de Serralves, e a apresentação da coleção do criador francês Nicolas Lecourt Mansion, responsável pelo encerramento do segundo dia do evento de moda na Cidade Invicta.

 

 

Fonte: Destak/PF/Lusa
 

 

Projetos de I&D colaborativa, uma nova oportunidade no Portugal 2020

Qua, 23/10/2019 - 00:00

No âmbito do Portugal 2020, foi prorrogado até ao próximo dia 31 de janeiro de 2020, o Aviso n.º 17/SI/2019 – Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico para apresentação de Candidaturas.

 

Este concurso pretende apoiar projetos de referência assentes em atividades de I&D, de empresas em co-promoção com outras empresas e/ou com centros de interface tecnológico ou ainda com as restantes entidades do Sistema de Investigação e Inovação.

 

Com uma dotação indicativa de 45,5 milhões de euros, o incentivo a conceder, no âmbito do presente concurso, é calculado através da aplicação de uma taxa base máxima de 25% às despesas elegíveis, a qual pode ser acrescida de determinadas majorações.

 

Nomeadamente às atividades que venham a ser classificadas como “atividades de investigação industrial” (25 p.p.) ou no caso de o projeto vir a contemplar a cooperação com entidades não empresariais do Sistema de Investigação e Inovação (15 p.p.).

 

Os principais requisitos de elegibilidade que constam neste concurso são os seguintes:

 

  • Compreender um investimento elegível mínimo de 150 mil euros;
  • Enquadrar-se nos domínios prioritários da estratégia de investigação e inovação para uma especialização inteligente;
  • Apresentar, em anexo ao formulário de candidatura, a minuta do contrato de consórcio acordado pelos copromotores;
  • Demonstrar que o consórcio reúne as condições para ser considerado “consórcio completo”;
  • Compreender o desenvolvimento de atividades de investigação industrial e de desenvolvimento experimental, conducentes à criação de novos produtos, processos ou sistemas ou à introdução de melhorias significativas em produtos, processos ou sistemas existentes;
  • Ter uma duração máxima de 36 meses, sendo que a data limite para elegibilidade das despesas é 31 de março de 2023;
  • A entidade líder deve assegurar, à data da candidatura, pelo menos, 30% do investimento elegível, com exceção das empresas líderes beneficiárias do Programa Operacional Regional do Algarve, que poderão apresentar um valor de investimento inferior, desde que devidamente fundamentado.

 

Esta será, sem dúvida, uma excelente oportunidade para, uma vez mais, revisitar as suas iniciativas de I&D.

 

Em concreto o projeto que sempre equacionou concretizar com o seu parceiro ou com determinada instituição do ensino superior, procurando, desta forma, garantir uma vantagem competitiva que irá marcar a diferença no mercado internacional.

 

Agora poderá preparar a sua candidatura até ao próximo dia 31 de janeiro de 2020.

 

 

Fonte: Eco/Compete2020

Alterado Regulamento do Fundo Social Europeu

Qua, 23/10/2019 - 00:00

Foi hoje publicada, em Diário da República, a Portaria n.º 382/2019, que altera o Regulamento do FSE – Fundo Social Europeu.

 

Esta é a sexta alteração ao Regulamento que estabelece Normas Comuns sobre o Fundo Social Europeu, aprovado em anexo à Portaria n.º 60-A/2015, de 2 de março.

 

Consulte aqui o documento:

 

| Portaria n.º 382/2019 - Diário da República n.º 204/2019, Série I de 2019-10-23

 

 

 

Fonte: D.R. 2019-10-23

 

 

Sessões sobre Eficiência Energética no Algarve

Ter, 22/10/2019 - 00:00

O Programa Operacional CRESC Algarve 2020, em parceria com a Direção-Geral de Energia e Geologia e a AD&C - Agência para o Desenvolvimento e Coesão, promove duas sessões de esclarecimento sobre os concursos de apoio a Investimentos em Eficiência Energética, no auditório da CCDR Algarve, em Faro.

 

No dia 31 de outubro às 11h00 a sessão é dirigida a representantes de EMPRESAS.

Consulte o PROGRAMA e INSCREVA-SE.

 

Já na parte da tarde, às 14h30, a sessão é para as IPSS e AUTARQUIAS.

Consulte o PROGRAMA e INSCREVA-SE.

 

Com o objetivo de apoiar a transição para uma economia de baixo teor de carbono em todos os setores, o apoio do CRESC Algarve 2020 prevê não só o recurso a fontes de energia renováveis, como a racionalização dos consumos.

 

 

Fonte: CrescAlgarve 2020

Aprovados 9 novos projetos de Inovação Social no Algarve

Ter, 22/10/2019 - 00:00

A Iniciativa Portugal Inovação Social aprovou mais 9 projetos no Algarve, ao abrigo do segundo concurso Parcerias para o Impacto lançado naquela região.

 

Os 9 projetos representam um total de 1,3 milhões de financiamento público aprovado, a que acrescem cerca de 570 mil euros em investimento social mobilizado.

 

Estes projetos vão testar soluções inovadoras em áreas como a saúde, a proteção social e a educação, e serão implementados em 15 municípios do Algarve, nomeadamente Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Faro, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Tavira e Vila do Bispo.

 

Este foi o segundo concurso de Parcerias para o Impacto a abrir para a região algarvia desde 2018.

 

Existem na região seis outros projetos de inovação social a decorrer com o apoio da Portugal Inovação Social, nomeadamente a Academia IluminArte, a Incubadora de Inovação Social Loulé e Algarve, a AJO – Academia para capacitação do/a Jovem de Olhão, a MyPolis – Cidadania 4.0 em Lagoa, o Café Interior – “Café Terapêutico” e CriAtividade®.

 

Neste momento, estão ainda abertas, até 13 de janeiro de 2020, candidaturas ao terceiro concurso.

 

Conheça aqui todos os Projetos Aprovados.

 

 

Fonte: Portugal Inovação Social

 

 

 

 

Projeto ‘Sintra Cresce Saudável’ distinguido nos ‘EU Health Awards 2019’

Ter, 22/10/2019 - 00:00

O projeto ‘Sintra Cresce Saudável’, da Câmara Municipal de Sintra, foi distinguido em Bruxelas, com o segundo lugar dos EU Health Awards 2019, na categoria Cidades, pelo Comissário para a Saúde e Segurança Alimentar, Vytenis Andriukaitis.

 

Os projetos vencedores foram anunciados no dia 17 de outubro, com o tema escolhido para o Galardão de 2019 “A prevenção e redução da obesidade infanto-juvenil”.

 

O projeto ‘Sintra Cresce Saudável’ envolve a comunidade na promoção de estilos de vida saudável em escolas do primeiro ciclo do ensino básico. Esta iniciativa é dinamizada pelo Município de Sintra com o apoio de parceiros na área da saúde, da academia e de organizações de âmbito nacional.

 

O projeto capacita as comunidades escolares na área da promoção da saúde, combinando estratégias educacionais com alteração das práticas ao nível da sustentabilidade e das alterações climáticas, fazendo convergir as diferentes dimensões na opção por estilos de vida mais saudáveis e mais conscientes.

 

Após escrutínio do júri europeu, foram escolhidos os três melhores projetos de cada categoria a concurso (Cidades, Escolas e ONG), tendo o projeto de Sintra sido o segundo melhor de 2019 na categoria Cidades.

 

Com este Prémio, a União Europeia pretende distinguir Escolas, Municípios ou Organizações Não Governamentais, cujo trabalho reverta positivamente para as respetivas comunidades, no âmbito da prevenção e redução da obesidade em crianças e jovens entre os 6 e os 18 anos.

 

O prémio EU Health Awards 2019 valoriza o empenho de cada uma das entidades distinguidas, realçando o trabalho desenvolvido nas respetivas comunidades, sobretudo ao nível da tomada de consciência do papel vital que todos desempenham para o fortalecimento da democracia participativa e para a cidadania ativa em matéria de saúde pública.

 

 

Fonte: CE/CM Sintra

Competição Europeia de Estatística 2020

Ter, 22/10/2019 - 00:00

Já estão abertas as inscrições para European Statistics Competition, uma competição organizada pelo Eurostat (Gabinete de Estatísticas da União Europeia) e vários Institutos Nacionais de Estatística, com o propósito de promover a Literacia Estatística entre os estudantes e os professores.

 

Os principais objetivos desta competição são: promover a curiosidade e o interesse dos alunos pela Estatística; incentivar os professores a utilizar novos materiais e novos métodos de ensino da estatística, incrementando a utilização de dados estatísticos oficiais e a aplicação do conhecimento estatístico adquirido.

 

Visa também mostrar aos alunos e aos professores o papel da estatística em vários aspetos da sociedade, e ainda promover o trabalho de equipa e a colaboração entre os alunos com vista a alcançar objetivos comuns.

 

A competição tem duas fases: a NACIONAL e a EUROPEIA. A competição nacional terá lugar durante o ano letivo 2019/2020 e a final europeia ocorrerá em maio de 2020.

 

Mais informações disponíveis em European Statistics Competition.

 

 

Fonte: ESC 

 

Concurso para PMEs inovadoras estende prazo de candidaturas até 31 de outubro

Ter, 22/10/2019 - 00:00

No âmbito do projeto Ribatejo InovFin, cofinanciado pelo Programa Operacional COMPETE 2020, realiza-se a 2.ª edição do Prémio de Inovação Empresarial, cujo prazo de candidaturas foi prorrogado até dia 31 de outubro.

 

O concurso ‘Prémio de Inovação Empresarial’ visa a promoção e divulgação da inovação em contexto empresarial, nomeadamente, nas PME.

 

O concurso está orientado para premiar iniciativas inovadoras, que deverão consistir em novas ou significativamente melhoradas soluções para a empresa (quer seja um novo produto, processo, método organizacional ou de marketing).

 

O prémio tem como objetivos promover e divulgar a inovação das empresas com classificação PME, valorizar o bom desempenho, disseminar bons exemplos e valorizar as PME da região.

 

O período de candidaturas ao ‘Prémio de Inovação Empresarial’ decorre agora até 31 de outubro de 2019.

 

As candidaturas recebidas serão avaliadas, por um júri composto por individualidades de âmbito regional e nacional de reconhecido mérito.
 

Para o esclarecimento de qualquer questão, referente ao concurso, os interessados deverão enviar as suas questões para o email: inovfin@nersant.pt

 

Para mais informações consulte o website ‘Prémio de Inovação Empresarial’.

 

 

Fonte: Nersant

Evento de Encerramento do Projeto EETur

Seg, 21/10/2019 - 00:00

No próximo dia 22 de outubro, a partir das 14h00, realiza-se o Evento de Encerramento do Projeto EETur no Auditório da CCDR Algarve em Faro, uma iniciativa cofinanciada pelo Programa Operacional CRESC ALGARVE 2020.

 

Pretende-se fazer o balanço final do projeto, promovendo o diálogo com gestores de empreendimentos turísticos e todos os stakeholders sobre os desafios e oportunidades na implementação de medidas de Eficiência Energética no setor hoteleiro do Algarve.

 

Este evento, promovido pelo ISQ - Instituto Soldadura e Qualidade, tem como objetivo captar a atenção das empresas e dos stakeholders para os resultados do projeto.

 

Pretende-se, com a demonstração dos resultados atingidos, que o projeto capte o interesse das empresas do setor dos empreendimentos turísticos da região do Algarve e dos agentes regionais.

 

O objetivo é fomentar a adoção de boas práticas, metodologias, tecnologias e modelos de negócio para a racionalização do consumo de energia e da utilização de energia renovável, dando assim a continuidade ao esforço desenvolvido no projeto.

 

Esta iniciativa é promovida pelo ISQ com o apoio dos parceiros locais AHETA, NERA e Enercoutim, cofinanciada pelo Programa CRESC ALGARVE 2020.

 

A participação é gratuita mas carece de INSCRIÇÃO prévia e confirmação.

 

 

Fonte: CrescAlgarve2020

Encontro Marítimo Portuário Hispano Português

Seg, 21/10/2019 - 00:00

O Porto de Sines recebeu a Sessão dos “Encontros Marítimo-Portuários Hispano-Portugueses” que promoveu o relacionamento bilateral entre a comunidade portuária, logística e industrial local com a comunidade logística e portuária de Cádiz, contando também com a presença de representantes dos portos de Algeciras e de Sevilha, bem com das respetivas Câmaras de Comércio.

 

Esta ação foi enquadrada no âmbito do projeto FOCOMAR que visa potenciar o relacionamento entre PMEs e espaços portuários, para que ambos façam parte das cadeias logísticas de produção, transporte e distribuição, e para que os portos não desenvolvam as suas atividades como um elo independente e alheio ao tecido comercial.

 

Este projeto pretende também promover eventuais oportunidades oferecidas pela área de cooperação do Programa Transfronteiriço Interreg VA Espanha–Portugal (POCTEP), direcionado para as regiões do Alentejo e Andaluzia.
 

Na sessão que decorreu no Auditório da APS, os participantes tiveram oportunidade de ficar a conhecer as principais valências e os projetos de desenvolvimento do Porto de Sines, visitando ainda os terminais portuários, a Zona Industrial e Logística de Sines e o Sines Tecnopolo.

 

No decorrer do evento foi também apresentado o estudo desenvolvido no âmbito do projeto e que pretendeu analisar e caraterizar o tecido empresarial de Sines, nomeadamente as necessidades no âmbito da cadeia logística.

O projeto FOCOMAR é realizado ao abrigo do Programa Interreg V A Espanha-Portugal (POCTEP) 2014-2020 e financiado a 75% pelo FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

 

 

Fonte: Nautica Press/POCTEP

Comissão Europeia quer uma Europa mais próxima dos cidadãos

Seg, 21/10/2019 - 00:00

Praticamente no final do atual quadro comunitário e já em fase de preparação do próximo, Zuzana Gáková comissária europeia, diz que este é o tempo de “todos fazerem ouvir a sua voz”, tirando lições do passado.

 

A responsável da Comissão Europeia, que participou no debate “Fundos de Coesão: Impacto no desenvolvimento na região do Ave”, avança que a política de coesão da União Europeia vai assentar em cinco objetivos estratégicos: uma Europa mais inteligente, mais verde, mais interligada, mais social e mais próxima do cidadão.
 

Perto de 45% das verbas deverão ser alocadas em medidas que promovam a transição para uma economia mais inovadora e inteligente, em que a palavra-chave é a Inovação, sendo este o principal foco da política de coesão para o futuro.

 

“Não estamos a falar novas porque essas deverão ser financiadas por outras políticas. Falámos de ideias que estão já na fase de protótipo. Não haverá mais financiamento para criar novos laboratórios”, revela a responsável da comissão.

 

Cerca de 30% das verbas serão aplicadas em instrumentos que promovam a transição energética, de adaptação às alterações climatéricas e de gestão dos riscos.
 

Outro dos objetivos é caminhar também para uma Europa interligada, onde a mobilidade e a conectividade digital sejam uma realidade. Mas, dos pontos mais inovadores para o próximo quadro é relação que se pretende estabelecer com os cidadãos.

 

Zuzana Gáková referiu que o facto do país que sai agora da União Europeia tenha sido uma das regiões que mais beneficiou com os fundos estruturais deve servir de reflexão. “A lição a retirar é esta: é importante investir nas regiões, é importante dar voz às pessoas”, diz a responsável, adiantando que, nesse prisma, é necessário investir nas cidades, territórios onde se concentram o maior número de pessoas.

 

“É importante que os investimentos aconteçam nas cidades porque é aí que estão também as necessidades dos cidadãos”, continua.
 

A responsável aponta que outro dos desafios que se colocam à Europa e, especialmente a Portugal, é a harmonização do desenvolvimento das diferentes regiões, colmatando as assimetrias existentes entre elas.

 

 

Fonte: CE/Correio Minho
 

Comércio Digital para as Micro e PME

Seg, 21/10/2019 - 00:00

O Programa Comércio Digital é um programa da Associação da Economia Digital dirigido às Micro, Pequenas e Médias empresas (PME) do setor do comércio e serviços, como objetivo de ativar a sua presença no mundo digital.

 

É cofinanciado pelo Programa Operacional COMPETE 2020, e conta com o apoio do Governo e as parcerias da confederação do comércio, da associação DNS.PT e da câmara de Viana do Castelo.
 

Os objetivos gerais do Programa são mobilizar comerciantes e empregadores para a digitalização do negócio, através da adoção de uma presença digital, incorporação de tecnologia nos modelos de negócio e desmaterialização dos processos com clientes e fornecedores.
 

O Comércio Digital vai tornar mais digitais 50 000 Micro E PME até 2020 e no âmbito dos seus objetivos específicos está capacitação para a presença offline de 50 000 microempresas e PME da área do comércio e serviços até 2020.
 

As Micro e PME aderentes ao Comércio Digital têm a oportunidade de colocar os seus negócios mais perto do futuro.
 

A ativação da presença digital irá permitir lhes captar novos clientes, tanto no mundo físico como no digital, aceder a novos mercados e otimizar os processos e procedimentos da organização.
 

O Comércio Digital disponibiliza também Vouchers 3 em 1, gratuitos para Micro empresas e PME do comércio e serviços, com oferta de ferramenta para criação de website, email e domínio gratuito PT durante um ano.
 

 

Fonte: Comércio Digital

 

Vencedores da Semana Europeia da Formação Profissional 2019

Seg, 21/10/2019 - 00:00

Já chegou ao fim a Semana Europeia da Formação Profissional que teve lugar em Helsínquia.

 

Este ano, decorreram em toda a Europa, cerca de 1 500 eventos associados à Semana Europeia da Formação Profissional, contribuindo para que a campanha chegasse a 2 milhões e meio de pessoas, o maior número desde a primeira edição em 2016.

 

VENCEDORES DOS PRÉMIOS DE EXCELÊNCIA EFP 2019

 

Todos os anos, no âmbito da Semana Europeia da Formação Profissional, a União Europeia (UE) distingue pessoas, organizações e iniciativas pelos seus esforços de promoção e oferta de oportunidades de ensino e formação profissionais de qualidade, através dos “Prémios de Excelência EFP”.

 

Os prémios visam realçar a qualidade do EFP, dar visibilidade aos vencedores, motivar os participantes e apoiar o desenvolvimento de redes e novas oportunidades de carreira.

 

Anunciados durante a cerimónia de entrega dos prémios da Semana Europeia, os Vencedores de 2019 são os seguintes:

 

Empresas e aprendentes:

 

Prémios “Aliança Europeia para a Aprendizagem”:

 

Grandes empresas:

Hidromek A.Ş. — Hayri Akgus, Turquia

 

Pequenas empresas:

Strand Hotel, Tom Flavin, Irlanda

 

Aprendentes

Samuel Gilmore - Company Mark Pollock Joinery, Kilrea, Co Londonderry, Irlanda do Norte, Reino Unido

 

Prémio “Formação no trabalho”:

Hot & Cold Therm Kft. - Benkő Zoltán & István Győre, Hungria

 

Inovadores do EFP:

 

Prémio “Prestador inovador de EFP”:

Akademie Deutsches Bäckerhandwerk Weinheim - Bernd Kuetscher, Alemanha

 

Prémios “Professor e formador”:

Markku Vengasaho - Edusampo, Finlândia

 

Prémio “Investigadores em EFP”:

Prof. Fernando Marhuenda, Universidade de Valência, Espanha

 

Prémios “Escolas empreendedoras” — TES/JA Europa:

Instituto Profissional Gradia - Pirjo Kauhanen, Finlândia

 

Financiamento europeu de projetos de excelência:

 

Prémio “Fundo Social Europeu” (tónica na digitalização e na evolução tecnológica):

Empleando digital - Belén Sánchez-Rubio & Carmen Cárdenas, Espanha

 

Prémios “Erasmus+”:

EFP e competências para o futuro:

Developing Work Based Learning Model for VET - John Hurley, Irlanda

 

Inclusão social:

New didactical models for initial VET training of young disadvantaged persons to reduce drop out - Maria-Luise Leitner, Áustria

 

Prémios das Agências Europeias:

 

#CedefopPhotoAward:

Orttweischule — Escola de engenharia, arte e design e Instituto de investigação e tecnologia, Graz, Áustria

 

Prémio "Empreendedorismo" da Fundação Europeia para a Formação (FEF):

Universidade de Alexandria — Essam A. Elkordi, Egito

 

 

Prémios Internacionais (Convidados de honra):

International Skills Competitions Awards-WorldSkills 2019: Stefan Planzer, Áustria

Concurso de fotografia da UNESCO-UNEVOC: Ruth -Pemisola Oluniyi

 

 

Fonte: Eurocid/CE

 

Reabilitação da muralha da Praia da Vitória nos Açores

Sex, 18/10/2019 - 00:00

A obra de conservação e reabilitação da Muralha da Praia da Vitória, na ilha Terceira, é a primeira empreitada de um conjunto de investimentos municipais superiores a cinco milhões de euros, que vão ter início nos próximos meses, com apoio de fundos da União Europeia.

 

O anúncio foi feito pelo presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, no lançamento da empreitada de conservação e reabilitação da muralha da Cidade, orçada em cerca de 202 mil euros, dos quais 85% são comparticipados por fundos da União Europeia, através do Programa Operacional AÇORES 2020.  

 

Este é um conjunto de investimentos “ao nível da sustentabilidade e reabilitação urbana, mas que se estenderão ao nível da sustentabilidade e crescimento do turismo”, acrescentando que outros investimentos avançarão “em breve”, na zona da marina e na frente marítima da baía “destinados às empresas marítimo-turísticas que operam na nossa cidade”.

 

A Muralha da Praia da Vitória, cuja área a intervencionar ocupa 779,56 metros quadrados, é reconhecida por todos como um valioso património arquitetónico da cidade da Praia da Vitória e que aliada à sua localização encerra grande valor turístico e patrimonial.

 

Segundo dados históricos o início da sua construção remonta a 1482, pela mão do então 1.º Capitão do Donatário da Praia, Álvaro Martins Homem.

 

É um dos espaços mais emblemáticos da Praia da Vitória, um pedaço da sua história, com mais de cinco séculos de existência, que reflete a identidade praiense e a resiliência do povo.

 

Por ser um património que exige ser recuperado e preservado a empreitada tem como pretensão a sua conservação e reabilitação ao longo de todo o percurso do Passeio do Poetas, na cidade da Praia da Vitória.

 

 

Fonte: Lusa/NO

 

Candidaturas abertas a Centros de Excelência Profissional

Sex, 18/10/2019 - 00:00

No âmbito do Programa Erasmus+ Ação-Chave 3 ‘Apoio à Reforma das Políticas’, estão abertas candidaturas a Centros de Excelência Profissional até 20 de fevereiro de 2020.

 

O objetivo global do CONVITE é o de apoiar o estabelecimento e desenvolvimento de plataformas de cooperação transnacional de Centros de Excelência Profissional (CEP) para ligar centros que funcionam num determinado contexto local a nível europeu.

 

As plataformas de cooperação transnacional ligarão os CEP que partilham interesses comuns em atividades e setores específicos (por exemplo, aeronáutica, eletromobilidade, cuidados de saúde, turismo, etc.).

 

As plataformas também desenvolvem em conjunto abordagens inovadoras para enfrentar desafios societais, tecnológicos e económicos (por ex., alterações climáticas, digitalização, inteligência artificial, objetivos de desenvolvimento sustentável, integração de migrantes, apoio a aprendentes com deficiência/necessidades especiais, reconversão de pessoas com baixas competências e/ou níveis baixos de qualificação, etc.).

 

As plataformas criarão pontos de referência de craveira mundial para a formação profissional. Estas serão inclusivas e ligarão os CEP existentes em diferentes países ou expandirão o modelo ao ligar CEP bem estabelecidos num país com parceiros noutros países que pretendem desenvolver CEP no seu ecossistema local, contribuindo assim para a “convergência ascendente” da excelência do ensino e formação profissionais (EFP).

 

Os CEP adotarão uma abordagem ascendente da excelência em que as instituições de EFP sejam capazes de adaptar rapidamente a oferta de competências à evolução das necessidades locais.

 

Os centros visam reunir um conjunto de parceiros locais/regionais, tais como prestadores de EFP inicial e contínua, instituições de ensino superior, incluindo universidades de ciências aplicadas e institutos politécnicos, instituições de investigação, parques científicos, empresas, empresas sociais, conselhos de competências setoriais, associações profissionais/do setor, autoridades nacionais e regionais e agências de desenvolvimento, serviços públicos de emprego, etc.

 

Saiba mais sobre os Centros de Excelência Profissional

 

 

Fonte: CE/Erasmus+

 

Vencedores do Concurso de Ideias ‘Born from Knowledge’ 2019

Sex, 18/10/2019 - 00:00

Já foram anunciados os quatro vencedores da segunda edição da Born from Knowledge, uma iniciativa da ANI - Agência Nacional de Inovação, que distingue as melhores ideias de negócio provenientes de Instituições de Ensino Superior portuguesas.

 

A final da segunda edição do Born from Knowledge, uma iniciativa com apoio do Programa Operacional COMPETE 2020, decorreu no Instituto Politécnico da Maia, distinguindo os seguintes projetos:

 

|  Na categoria “Materiais e Tecnologias Avançadas de Produção”, Nautilus, Universidade de Évora

|  Na categoria “Recursos Naturais, Ambiente e Alterações Climáticas”, AgroGrin TECH, Universidade Católica Portuguesa

|  Na categoria “Saúde e Bem-Estar”, ProtexAging, Universidade de Coimbra

|  Na categoria “Turismo, Indústrias Culturais e Criativas”, BackBone, Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril

 

Poderiam não passar de ideias, mas o espírito empreendedor daqueles que as conceberam e o apoio das instituições de ensino superior que as viram nascer, transformaram-nas nos quatro projetos inovadores com viabilidade de negócio.

 

  • Uma tenda biónica capaz de resolver problemas como a falta deste tipo de suporte para deslocados, nomeadamente refugiados, e a escassez de água que lhes devia ser destinada
  • Um projeto que resolve o desperdício alimentar e cria novos produtos naturais que poderão ser reintroduzidos no mercado agroalimentar
  • Um composto químico que poderá vir a gerar um medicamento para travar a evolução de doenças artríticas, designadamente, a osteoartrose
  • Uma plataforma online de partilha de experiências, que valoriza a conciliação entre o estudo ou trabalho e o lazer

BFK RISE - PROGRAMA DE ACELERAÇÃO TECNOLÓGICA DE TRÊS MESES

Estes foram os quatro selecionados de um total de 30 projetos a concurso, representando instituições de ensino superior (públicas e privadas) com que a ANI desenvolve parceria.
 
Os quatro, bem como aqueles que venceram a edição do ano passado, têm entrada direta para o programa de aceleração em ciência e tecnologia BfK Rise, também da responsabilidade da ANI.
 
Além destes, outros projetos poderão candidatar-se até 15 de novembro.

 

Estão previstas três edições - Norte, Centro e Alentejo - em que os participantes terão ao longo de três meses o acompanhamento próximo de uma rede de mentores, constituída por outros empreendedores, entidades parceiras da ANI, empresas, entre outros.

 

O principal objetivo é capacitá-los de forma a poderem acelerar o processo de transferência de conhecimento em produtos ou serviços para o mercado.
 
 

Fonte: ANI

 

Workshop sobre candidaturas ao Sistema de Incentivos I&DT

Sex, 18/10/2019 - 00:00

No próximo dia 25 de outubro na CCDR Algarve, em Faro, vai ter lugar um Workshop de esclarecimentos sobre a preparação de Candidaturas ao concurso Sistema de Incentivos ‘Investigação e Desenvolvimento Tecnológico’ (I&DT).

 

Esta sessão é dirigida às empresas e a entidades não empresariais do sistema I&I que se podem candidatar a este AVISO, e terá particular enfoque nos domínios da RIS 3 Regional MAR e TIC.

 

O Sistema de Incentivos ‘Investigação e Desenvolvimento Tecnológico’ prevê apoiar projetos de Empresas em copromoção com outras empresas ou com entidades do Sistema de I&I, que visem o reforço da sua competitividade e inserção internacional através da realização de atividades de investigação industrial e desenvolvimento experimental.

 

No âmbito deste sistema encontra-se a decorrer o AVISO n.º 17/SI/2019.

 

Com esta ação, pretende-se contribuir para melhorar a qualidade das candidaturas apresentadas ao Sistema de Incentivos I&DT, pelo que o evento contará com a presença do Organismo Intermédio ANI e de peritos externos com experiência na avaliação de candidaturas para esclarecimento de dúvidas na preparação de candidaturas.

 

Consulte aqui o PROGRAMA.

 

A participação é gratuita, mas sujeita a INSCRIÇÃO prévia.

 

 

Fonte: CrescAlgarve2020

Laura Kövesi será a primeira Procuradora-Geral Europeia

Sex, 18/10/2019 - 00:00

Laura Codruţa Kövesi, a candidata que recolhia a preferência do Parlamento Europeu, será a primeira Procuradora-Geral Europeia.

 

Laura Codruţa Kövesi deve assumir o cargo em 2020, liderando a nova Procuradoria Europeia, para investigar crimes fiscais dentro da União Europeia, como fraude transnacional em matéria de IVA, lavagem de dinheiro e corrupção.

 

A sua nomeação foi formalmente apoiada pelo Presidente do PE, David Sassoli, e pelos líderes dos grupos políticos, no dia 16 de outubro.

 

A PROCURADORIA EUROPEIA

 

Atualmente, apenas as autoridades nacionais podem investigar e exercer qualquer ação legal sobre ações fraudulentas contra o orçamento europeu, mas os seus poderes cessam nas respetivas fronteiras.

 

O Parlamento Europeu pediu que se constituísse um órgão europeu em várias resoluções, sublinhando a importância de assegurar a independência dos seus procuradores.

 

A Procuradoria Europeia foi aprovada em 2017 e foi finalmente atingido um consenso em setembro de 2019 sobre a sua liderança.

 

Até agora, 22 Estados-membros aderiram à Procuradoria Europeia. Os cinco países que ainda estão de fora, por opção própria - Suécia, Hungria, Polónia, Irlanda e Dinamarca - podem aderir a qualquer altura.

 

A Procuradoria Europeia terá a sua sede no Luxemburgo, onde estarão também a Procuradora-Geral e os procuradores dos Estados-membros. Estes responsáveis vão conduzir as investigações criminais em todos os Estados-membros participantes.

 

A Procuradoria Europeia deve estar operacional nos últimos meses de 2020.

 

FRAUDE NA UE 

 

Em 2017, a FRAUDE afetou o orçamento da UE em 467 milhões de euros nos vários países da UE.

 

Documentos e declarações falsas ou falsificadas constituíam os tipos mais comuns de fraude, segundo um Relatório da Comissão Europeia.

 

Saiba mais aqui:

 

Infografia: Promotor Público Europeu

Informações sobre o Promotor Público Europeu

CV Laura Codruţa Kövesi

 

 

Fonte: PE

Páginas